12 de abril de 2019 às 20:16h

Vereador André Régis debate com integrantes do Creci destinação do Aero Clube

Vereador André Régis autor do requerimento no centro debate destinação do Aero Clube 

Por Tomaz de Aquino

O vereador André Régis, através do requerimento Nr. 1245/2019, realizou no plenarinho da Câmara Municipal do Recife, uma audiência pública para tratar sobre a destinação do terreno do antigo Aeroclube de Pernambuco, localizado no bairro do Pina, Zona Sul da Cidade.

“A proposta apresentada na Câmara Municipal do Recife sugere que o espaço seja multiuso, abrigando escolas, posto de saúde, habitações, além de um parque verde, com espaços para a prática de exercícios físicos e de lazer. Além disso, uma área destinada para a exploração da iniciativa privada na construção de unidades residenciais e empresariais”, explicou o Diretor do CRECI – PE, Gedeão Pontes, que participou como convidado nesta sessão, juntamente o com o Diretor, Alysson Barros .

Segundo o coordenador de uma ocupação na comunidade do Bode, localizada no entorno do terreno, Estilo Santos, “todo projeto de educação é positivo, porém qualquer projeto que venha para aquela área tem que andar paralelamente com o de habitação, que é a prioridade hoje para os moradores”.

Uma nova reunião será agendada para ampliar o debate com representantes de entidades, de vereadores e da prefeitura.

 

12 de abril de 2019 às 09:46h

Menos punição, mais orientação

Artur Cunha é jornalista e escreve sobre política

Menos punição, mais orientação

A Marcha em Defesa dos Municípios terminou, ontem, com um debate bastante sensato acerca da relação entre as prefeituras e os tribunais de contas. É natural e compreensível, em um país com um histórico grande de corrupção, que os órgãos de controle apertem o cinto dos gestores municipais e cobrem respeito à legislação – até porque eles existem para isso. Mas o que os prefeitos brasileiros de todas as colorações partidárias mais têm reclamado é da perseguição que vêm sofrendo dessas entidades. Ouvi isso de muitos deles esta semana, em Brasília.

Os exemplos são inúmeros de recomendações que engessam a máquina pública e impedem as prefeituras de prestarem o devido serviço ao povo. Há relatos em todas as áreas; na saúde, educação, infraestrutura, meio ambiente. Eduardo Campos dizia muito que o chamado Estado do Controlar cresceu muito no Brasil, enquanto o Estado do Fazer pouco avançou nas últimas décadas. Isso explica bem a complexidade dessa relação. Cabe aos tribunais altamente modernizados fiscalizarem prefeituras anacrônicas.

O que não dá é para auditor achar que é prefeito e querer impor, por meio de intimidação legal, uma agenda que não é a do governo em questão. Perseguição, de qualquer um dos lados, tem de ser condenada. O pernambucano José Múcio, presidente do Tribunal de Contas da União, abordou bem o tema em discurso na Marcha. Segundo Múcio, “no Brasil é mais difícil ser ex-prefeito do que ser prefeito”. Já que são esses gestores, no seu CPF, respondem por tudo e ficam, na maioria dos casos, com seus nomes manchados por anos depois do fim do mandato.

Sendo assim, o presidente do TCU orientou os prefeitos que ainda não fazem a procurarem os tribunais de contas dos seus estados de modo a, com muita transparência, tirarem todas as dúvidas quanto aos procedimentos da administração pública. Isso deve ser uma prática. E os prefeitos têm internalizado essa necessidade cada vez mais. O que é louvável. Porém, nesse meio tempo onde as mudanças naturalmente acontecem de forma gradativa, há que se orientar mais do que punir. Resumindo: menos punição, mais orientação.

José Múcio Monteiro também alertou os perfeitos, durante discurso na Marcha, que as cobranças, nessa era digital, são amplificadas. “Temos 200 milhões de auditores fiscalizando”, constatou, fazendo uma referência à população do país.

7 de abril de 2019 às 06:03h

Venha ser um corretor de imóveis de sucesso

Mais uma turma concluída de marketing imobiliário

Ter uma profissão, receber um diploma, ser registrado num conselho profissional é o sonho da maioria das pessoas, particularmente, dos jovens. Por isso, a profissão de corretor de imóveis vem despertando o interesse de muitos jovens e também de pessoas mais maduras que buscam uma colocação no mercado.

Um corretor de imóveis atua como profissional de intermediação facilitando a relação comercial entre o proprietário do imóvel, seja imobiliária, construtora ou pessoa física e o interessado no imóvel objeto da transação. Ou seja, o corretor intermedia a negociação e ganha uma comissão a título de honorários, em geral, no valor de 5% do peço do referido imóvel.

Entretanto, o corretor também pode atuar em diversas áreas do mercado imobiliário  como documentação imobiliária, avaliação imobiliária, regularização, captação de produtos e clientes e muitas outras que podem ser escolhidas num universo de mais de 60 atividades.

O grupo Interface Capacita os interessados em se tronarem corretores de imóveis em apenas 10 meses. Dessa forma quem realiza o curso com o Interface já pode estagiar em apenas 30 dias, recebendo uma declaração e com ela tirando a sua carteira de estagiário e assim já atuando na profissão sendo supervisionado por um corretor já credenciado.

Ao final do curso vai ter o seu diploma e tirar a sua carteira do CRECI recebendo o número de sua inscrição e passando a ser um profissional habilitado, numa área que reúne os 3 “erres”: Responsabilidade, Rentabilidade e Rapidez.

Se você busca uma qualificação para ingressar num mercado que só faz crescer a cada ano, visto que o sonho da casa própria nunca vai deixar de existir no imaginário das pessoas, então essa é a sua oportunidade, as vagas são limitadas, as matrículas estão abertas para novas turmas e você ainda vai poder pagar de forma parcelada.

Faça já a sua inscrição:

Acesse: www.capacitacursos.com.br/perguntaqui ou passe um zap para Tomaz 81 – 9.99892523

 

4 de abril de 2019 às 07:30h

Você sabe falar em público? Aprenda técnicas poderosas de oratória e mude a sua vida!

Aprender a falar em público, dominar as técnicas de oratória, saber como fazer um bom vídeo, são três requisitos básicos para qualquer atividade nos duas atuais com as redes sociais dando as cartas e servindo como tela para tudo que fazemos.

Dessa forma é fundamental adquirir através do treinamento e do exercício a desenvoltura necessária para ser uma pessoa que se destaca na sua área, que fala bem, que tem um raciocínio lógico e claro e isso tudo faz parte da oratória.

Postura, respiração, gesticulação, uso das mãos, são elementos fundamentais numa boa apresentação e não podem ser descartados por quem deseja fazer a diferença, sair do anonimato, ganhar posições, fazer bons negócios e ter uma carreira de sucesso.

Evidente que o conhecimento do tema, o vocabulário, as experiências, o texto escrito e outros requisitos também ajudam no processo de apresentação de uma proposta, mas o resultado positivo ou negativo está na oratória.

Faça parte da nossa nova turma para maio, em apenas quatro sábados você vai receber ensinamentos e dicas preciosas para perder o medo de falar em público, fazer uma boa apresentação e se tornar uma pessoa mais segura.

 

2 de abril de 2019 às 18:53h

Política velha e política nova qual a diferença

Essa é a discussão política atual. Política Nova x Política Velha! Muitas perguntas tenho recebido sobre esse assunto, algumas delas perguntando qual a diferença entre uma e outra.

Na minha opinião, a ideia ou o conceito de nova política surgiu com o desencadear da Lava Jato que descortinou os bastidores da corrupção e mostrou as entranhas dos conchavos, acordos, maracutaias e acima de tudo veio para romper o pacto criminoso realizado entre empresários e políticos para saquear o país, para desviar dinheiro dos cofres públicos, criando uma elite política sustentada pelos recursos desviados da saúde, da educação e de outros setores da sociedade como o da educação.

Então essa é a velha política que vem desde o governo Sarney e perspassou por todos os governos da nova república culminando com os descalabros do governo do PT, que tornou esse mal uma epidemia criado uma escola de políticos ladrões, de corruptores e corruptos, transformando as empresas e setores do governo em bancos de negócios para permitir a aprovação de projetos também destinados a desviar recursos e prejudicar toda nação.

O ponto de inflexão foi a Lava Jato onde pela primeira vez assistimos cenas de prisão de grandes empresários e de líderes políticos de renome nacional.

28 de março de 2019 às 07:30h

A briga de Bolsonaro com Rodrigo Maia desnuda os bastidores do congresso

Quando o presidente em entrevista ao jornalista da BandNews, José Datena, diz que não vai aceitar fazer a velha política e que não vai ficar refém de deputados que querem o toma lá dá cá, começamos a conhecer o sistema político que está implantado no Brasil.

A celeuma entre Bolsonaro e Rodrigo Maia é a superfície do mar de lama que é esse país onde os três poderes executivo, legislativo e judiciário se corromperam conjuntamente e um não pode acusar o outro de nada. Prova disso foi o arquivamento da CPI da Toga pelo presidente do senado Davi Alcolumbre, e ai perguntamos qual a diferença dele para Renan? Nenhuma?

Rodrigo Maia recuou porque sabe que o presidente Bolsonaro não vai recuar.

 

 

21 de março de 2019 às 06:58h

Como conquistar a sabedoria, ter paz e ser feliz mesmo nas tribulações

Olá amigos, bom dia, esse mundo está louco!

Como devemos fazer para não sermos mais um louco nesse mundo. Ora quando lemos o livro de provérbios vamos encontrando tudo que os coaches, gurus, palestrantes e mesmo os nossos padres e pastores vêm nos ensinando e não damos ouvidos, dessa forma vamos tendo uma vida cada vez mais cheia de dificuldades, sofrimentos, perdas e revoltas e isso tudo porque não damos ouvidos aos ensinamentos.

Assim para nos ajudarmos mutuamente nessa caminha passo a contribuir com a leitura diária da Bíblia para encontrarmos a sabedoria e vivermos em Paz. Já lemos os capítulos 1, 2 e 3, por isso publico os três aqui,  amanhã continuamos com o capítulo 4. Se você tem sugestões, histórias interessantes, depoimentos e testemunhos, pode mandar para publicação através do nosso email: capacitacursosbr@gmail.com

A todos que querem mudar a sua vida e encontrar Paz, uma boa leitura.

Estudo capítulo 1 do livro de Provérbios

Irmãos ao ler o capítulo 1 do livro de Provérbios entendo que temos nesse capítulo três lições fundamentais para a nossa vida!

Ele diz que para termos sabedoria e aqui Salomão autor do livro de Provérbios, explica que sabedoria é sinônimo de entendimento, conhecimento, instrução, para poder compreender as palavras da prudência, ou seja, da boa convivência precisamos ser sábios.  Ele mostra que para termos tudo isso a primeira coisa que necessitamos é ter o temor do Senhor.

E, ai, nos perguntamos, ora se Deus é amor, então como vou ter temor dele. O temor nesse caso não é de ter medo  de Deus. Temor aqui significa OBEDIÊNCIA. Essa é a primeira lição e a mais difícil: OBEDECER. Você não precisa ter medo de Deus, mas você precisa obedecer a Deus. E como é difícil obedecer a Deus, digo isso por mim mesmo irmãos.

É como Paulo diz “O bem que quero fazer não faço, mas o mal que não quero esse eu faço”. E quando é que desobedecemos a Deus? Quando não fazemos aquilo que Deus quer que a gente faça, ou seja, quando não andamos em retidão, quando criamos contendas, quando nos magoamos a toa, quando guardamos raiva e rancor no coração, quando não pensamos e nos colocamos no lugar do outro. Dessa forma desobedecemos a Deus.  A segunda lição que o capítulo 1 de Provérbios nos dá é a de que devemos ter cuidados com quem andamos e o que fazemos.

a desobediência, causa a ganância que por sua vez traz o orgulho. O capítulo mostra que mesmo vendo a sabedoria gritar, ou seja, nós sabemos o que é certo e o que é errado mesmo assim preferimos o errado. Não damos ouvidos às Palavras de nosso Deus, fazemos o que ele não quer e o desobedecemos e ai vem as consequências e ficamos nos perguntando: Porque comigo meu Deus? Então  a mim chamarão, mas eu não responderei, afirma o Senhor no verso 28. Concluindo esse capítulo meus irmãos ficam essas lições: Obedecer a Deus, deixar a ganância de lado e não permitir que o orgulho nos guie, impedindo-nos de aceitar conselhos, de sermos humildes e de contribuir para obra do Senhor.

Que todos tenham um dia abençoado e manhã continuaremos com o capítulo 2 de Provérbios

Estudo capítulo 2 do livro de Provérbios

Como vimos no capítulo 1 de Provérbios, a busca da sabedoria começa com a obediência ao nosso Deus. No capítulo 2 percebemos que outra atitude fundamental para conquistarmos a sabedoria é o respeito a Deus.

Às vezes por medo ou por interesse obedecemos a alguém, mas não respeitamos esse alguém. O mesmo acontece quando obedecemos a Deus – geralmente – na frente dos outros, mas por traz, quando sozinhos não respeitamos a Deus.

E como é que desrespeitamos a Deus?

Quando pecamos!

Isso mesmo, no que pese sermos cristãos, vivermos em comunhão, continuamos pecadores. Porém, Como diz Paulo, devemos ser como um santo lutando contra o pecado todo dia. Por isso, devemos atentar para o versículo 7 “Ele reserva a verdadeira sabedoria para os retos. Escudo é para os que caminham na sinceridade” Provérbios 2:7 que mostra claramente que só encontraremos a sabedoria quando obedecermos e respeitarmos a Deus.

Amanhã vamos ler o capítulo 3 do livro de Provérbios.

Estudo do capítulo 3 do livro de Provérbios

Amigos não esqueçam de anotar os passos para uma vida feliz e de Paz, mesmo diante de tribulações. Já vímos que o primeiro é a obediência e o segundo o respeito.

No terceiro capítulo destacamos o desprendimento, nos desapegarmos das nossas rendas e sermos fiéis no ofertar ao Senhor, como mostra o verso 9, onde devemos ser leais na nossa contribuição para o nosso Deus, honrando-o como nosso dízimo.

Cada passo desse vai nos dando a sabedoria e assim vamos mudando a nossa vida. E nossa vai ficando uma vida farta como diz no verso 10.

Portanto, só alcançaremos a sabedoria para não sermos sábios aos nossos próprios olhos, quando andarmos com Deus e até esse capítulo para andar com Deus é preciso obedecer, respeitar e repartir, compartilhar o que nós temos com os outros.

Essas atitudes vão nos dar uma coisa que hoje poucos têm: Paz e um sono tranquilo. Quantas pessoas não conseguem dormir. Veja o que diz o versículo 24. …Tu te deitarás e teu sono será suave.

Portanto, devemos nos ajudar uns aos outros para não sermos apenas leitores da palavra (ouvintes) mas acima de tudo praticantes dos ensinamentos.

Que Deus nos abençoe a todos…

20 de março de 2019 às 17:56h

Louco, talvez um pouco!

 Inusitados encantamentos, Excêntrico s na mente poética, Devaneios profundos, Trilhas e veredas do ideal. Arvoredos majestosos, Lagos docemente encrespados, Orlados de tufos floridos e perfumosos, Cenário perfeito, Próprio ou imaginário. Canteiros excitados pelo orvalho saudável da alvorada, Pássaros assobiam ternas melodias, Radiação amena e sedutora, Sonetos de paixão, Inebriante adoração. O amor, obra a revelar, Inútil resistir, Sem recalques, Sublimado é sonhar. Mar que jorra o sofrer, De mal reprimido, Não se morre, Resistência, A poesia é depositária de sentimentos, O importante é viver. De mãos livres, Sem tormenta, Os versos ditam o caminhar, Pelo vivo olhar. Vibra a alma, Ergue novo castelo de sonho e pecado, Reascende labaredas do verbo amar. Se tudo é efêmero, Se tudo é falível, O poeta é essência, É Luz, É eternidade.

Por Paulo Sales
Advogado e criminalista

19 de março de 2019 às 05:26h

Inaugurada em Aldeia residência para idosos com conceito inovador

Por Augusto Saboia do blogdasppps

Foto: Tatiana Portela

Após perder o avô, a quem era muito ligado, o francês Dany Finck, nascido na cidade de Mulhouse, na região da Alsácia, resolveu que construiria um local onde pessoas de idade pudessem viver com todos os cuidados que precisam e todo o carinho que merecem. Junto com a esposa Evelin, pernambucana, e os filhos, veio parar em Aldeia, onde encontrou uma chácara com as características que sonhava para realizar seu objetivo.

Dany e Evelin Finck
Dany e Evelin Finck

Dois meses atrás, o casal inaugurou a Eco Résidence Sucupira, na Estrada da Peroba, um espaço que se parece mais com um clube, com muitas árvores, piscina, parquinho infantil, churrasqueira, restaurante, salão de beleza, sala de jogos e acomodações para uma ou até quatro pessoas.

“Queremos acabar com a ideia de asilo, que ainda carrega muito estigma”, afirma Dany, com o sotaque carregado. “O que vemos é que as famílias, quando vão visitar seus parentes nos estabelecimentos tradicionais, não se sentem à vontade, cumprem a obrigação e vão embora. Aqui os familiares, inclusive as crianças, vão ter prazer em vir passar o dia com o vovô ou a vovó, vão se sentir em casa, vão se divertir junto com eles”, explica.

Parquinho infantil
Parquinho infantil

Funcionando com certificação da Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa), que a classifica como Instituição de Longa Permanência para Idosos (Ilpi), a Eco Résidence Sucupira hospeda os idosos e lhes oferece terapia ocupacional, oficinas de culinária, acompanhamento médico e de enfermagem e serviço de lavanderia.

Os valores e opções de hospedagem variam de acordo com uma gradação do idoso, que vai de 1 (com autonomia para se locomover e tomar banho) até o grau 3 (acamado). Há também a possibilidade de hospedagem apenas por um dia ou um período do dia.

Eco Résidence Sucupira
Estrada de Aldeia, km 6 – Chã de Peroba, 231
Telefone: (081) 99831-0650

PorAqui

18 de março de 2019 às 07:21h

Como adqurir a sabedoria?

Durante os próximos 31 dias estaremos lendo o livro de Provérbios, que é formado por 31 capítulos. Ou seja, começaremos amanhã lendo o capítulo 1, depois o dois, três e assim sucessivamente até o último, o 31 no trigésimo primeiro dia.

Tentaremos tirar de cada capítulo lições que possam nos ajudar a encontrar a sabedoria que, segundo Salomão, grita nas portas das cidades, mas ninguém lhe dá ouvidos.

O livro de provérbios foi escrito pelo Rei de Israel, Salomão, filho de Davi, e nele encontramos inúmeras referências sobre como adquirir a sabedoria. O grande problema é que ao invés de adotarmos os ensinamentos que ele nos dá para evitarmos problemas na nossa vida, fazemos justamente o contrário e caminhamos na direção oposta o da “não sabedoria”.

Anotaremos o que chame a nossa atenção e discutiremos, debateremos, tiraremos as nossas dúvidas e assim estaremos aprendendo da Palavras de Deus. Quando não soubermos ou tivermos dificuldade com algum texto, pediremos ajuda aos amigos que saibam mais do que nós, aos nossos pastores, líderes religiosos a fim de crescermos em conhecimento e, dessa forma, adquirirmos experiência para nos desviarmos dos caminhos do homem mau.

Para sua reflexão, medite sobre isso: O Temor do Senhor é o princípio da sabedoria. Provérbios, 1:7.

Leia o capítulo 1 hoje, faça suas anotações e amanhã estaremos debatendo aqui com aqueles que queiram participar desse estudo. A todos uma semana abençoada na presença de nosso Deus.