11 de fevereiro de 2019 às 14:51h

Jornalismo de luto morre Ricardo Boechat em desastre aéreo

Nós jornalistas estamos tristes, perdemos um colega de profissão que morreu na batalha, trabalhando, fazendo o que gostava que era comunicar.

A bordo de um helicóptero vinha de Campinas para São Paulo, quando na vinha Anhanguera a aeronave apresentou problemas, segundo notícias veiculadas pela mídia, e tentou fazer um pouso de emergência em plena via, quando foi atingido por um caminhão de carga que colidiu de frente com o aeroplano que foi lançado para trás e pegou fogo ao cair, matando o jornalista e o piloto.

Conheci o jornalista Ricardo Boechat num evento em São paulo, no lançamento de um dos seus livros denominado Copacabna a História de um Hotel. ricardo Boechat foi um professor e fez escola, repassando o que sabia de forma didática e completa para todos nos veículos por onde passou. Um jornalista sincero, que sempre dizia o que passava, reconhecia quando errava e pedia perdão.

Lamentável e profundamente triste a sua partida repentina tirando do meio de comunicação um grande profissional.

Adeus Boechat.

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.