11 de junho de 2015 às 07:01h

Biografias liberadas o primeiro passo para uma democracia plena

Hoje mais uma vez senti orgulho de ser jornalista, de ter escolhido essa profissão que tanto amo e a qual me dedico há mais de 30 anos.

O supremo Tribunal Federal jogou na lata do lixo o desejo ditatorial, hitleriano de grupos censores travestidos de democratas e exilados políticos que queriam impedir a todo custo à divulgação de suas biografias, ou pelo menos que só fossem publicadas se autorizadas pelos mesmos ou pela família.

Em todos os países democráticos é permitido a publicação de biografias e os que se sentem atingidos em sua honra buscam o caminho legal para reparar os danos acusados por algo indevido que tenha sido. O que não se concebe de maneira nenhuma é a censura prévia, o que não se aceita em nenhuma hipótese é que esses falsos democratas impeçam a sociedade de conhecer fatos de suas vidas públicas e até privadas, visto serem homens públicos e dessa forma estarem à disposição do jugo popular.

A liberdade de expressão venceu! É um passo pequeno em direção a um país livre, mas é um começo e quero aqui parabenizar a Ministra Carmem Lúcia que com coragem, vencendo os lobbys, evitando as pressões deu o seu parecer com a sua consciência e dessa forma varreu para o lixo da história a vontade mesquinha de aproveitadores, traidores, mentirosos, apadrinhados que sempre se esconderam por trás da proibição de se dizer o que eles fizeram.

Diz a Ministra Carmem Lúcia:

“Vida é experiência de riscos. Riscos há sempre, em tudo e para tudo. Mas a vida pede de cada um de nós coragem perante os riscos e solução para o que vier a se concretizar. O direito dita formas de se fazer com que sejam reparados os abusos. A saber, por indenização a ser fixada segundo o que se tenha demonstrado como dano. O mais é censura. E censura é forma de cala boca. Pior: cala a Constituição, amordaça a liberdade, para se viver o faz de conta de se deixar de ver o que ocorreu.” ( Ministra Carmem Lúcia)

2 de junho de 2015 às 09:27h

O segredo do sucesso é servir

vanessa e daniele

Daniele Duarte, Tomaz da Rota232, Vanessa Tadeu, Rafael Costa, Allan Paiva e Hugo Leandro

O segredo de um bom negócio não é o preço, não é a quantidade de dinheiro que se ganha, não é a busca desenfreada pelo sucesso, não é também pensar só na gente. O segredo do sucesso é saber que estamos compartilhando com amigos, parceiros, clientes um pouco do que prendemos. O segredo do sucesso é saber que quanto mais damos, mais recebemos, quanto mais ensinamos, mais aprendemos, quanto mais dividimos mais acumulamos. O segredo do sucesso é sabermos que somos importante para alguém que passou, está passando ou vai passar pela nossa vida, porque através de nossas houve mudanças significativas de comportamento, de compreensão das coisas, de relacionamentos. O segredo do sucesso não é servido, é servir. A verdadeira felicidade está em ter a certeza de que pode não ganhar nada do ponto de vista material, mas vai ganhar o presente de ver vidas transformadas e de saber que de alguma forma contribuiu para tornar as pessoas que convivem com a gente mais felizes. Se a sabedoria é o temor do Senhor como está em provérbios, o sucesso é imitar ao seu filho Jesus, como ele pediu, imitar porque nunca seremos iguais. Ontem foi um dia feliz encontrei amigos, como Danielle Duarte, Vanessa Paiva, Rafael Costa, Allan Paiva e Hugo Leandro e eu o “menorzinho” ali bendito entre as mulheres. Todos parceiros de coração. Que Deus os abençoe e obrigado por me deixar participar um pouco das realizações de vocês. Deus diz na sua palavra que formos fiéis a Ele, ele encherá os nossos celeiros, por isso dou Graças a Deus porque até hoje ele tem sido fiel comigo, dessa forma sou obrigado, embora faça com prazer a missão de contribuir para judar outras pessoas. Fiquem com Deus amigos que Ele seja tão bom para todos vocês, como tem sido comigo.

1 de junho de 2015 às 06:12h

O turismo é o único caminho de Gravatá e o resto é conversa fiada

Acontece hoje no Hotel Portal de Gravatá mais uma edição de um programa governamental denominado Destino Pernambuco. Nesse programa são apresentadas cidades para integrarem um roteiro turístico e assim promoverem os seus atrativos com o objetivo de ampliarem o fluxo de turistas no município e é a hora dos gravataenses que investem na cidade se fazerem presentes para apresentarem as suas sugestões.

Fui convidado, mas infelizmente foi de última hora e já tinha compromisso em Caruaru, mas mesmo assim enviarei um representante da Rota232 para acompanhar os trabalhos. Não sei quem de Gravatá vai participar desse projeto, com exceção de Eduardo Cavalcanti que é proprietário do Portal de Gravatá, local do encontro e também presidente da Associação de Turismo de Gravatá.

Não sei também se o Conselho de Turismo de Gravatá vai se fazer presente se é que esse conselho ainda existe. Quando era membro do conselho fiz ele funcionar mesmo contra a vontade dos gestores, mas numa articulação tiraram a Academia de Letras afirmando que ela integra o turismo de Gravatá, esquecendo esses articuladores que ela vende o destino Gravatá na área da literatura há muito tempo. O que sei é que temos um Conselho de Turismo fraco, subserviente, calado, omisso e totalmente vinculado a prefeitura, o que é um erro clássico de empresários que não têm a coragem de romper as barreiras da inércia e do silêncio.

Dessa forma convido a todos que têm interesse no turismo de Gravatá para comparecerem ao Hotel Portal a partir das nove horas da manhã para discutirem o destino Gravatá e assim encontrarem alguma forma de superar esse marasmo em que a cidade se encontra. É necessário debater as saídas para as brigas políticas que prejudicam a cidade como a que ocorre entre o prefeito Bruno Martiniano, que de forma estabanada e intempestiva afirmou em uma rádio local que a prefeitura não precisa de dinheiro do governo do estado e o deputado estadual Waldemar Borges que  ficam com falsas promessas de “trem fantasma”,  “teleféricos celestes” que subiram tanto que não desceram nunca mais, jardins de BR que não saem do lixão em que se transformaram, centros de treinamento que não existem e se existem é só para treinar inimigos de Gravatá a brigarem entre si e que só defendem interesses meramente eleitorais visando tomar a prefeitura e que em nada contribuem para o fortalecimento do turismo em nossa cidade.

O único caminho para o desenvolvimento de Gravatá é o turismo. Foi o turismo que colocou Gravatá no patamar que ela ocupou no cenário turístico de Pernambuco até alguns anos atrás se revezando no 1º, 2º e 3º lugares de melhor destino turístico do estado perdendo algumas vezes para Recife e Caruaru, mas as vezes ganhando das duas numa disputa bonita, séria com envolvimento do trade turístico da cidade. A balela vendida pela atual gestão de transformar Gravatá num distrito industrial só fez afastar investimentos, espantar empresários do setor e criar dificuldades para o comércio que está a beira da falência sem nenhuma ação por parte da atual administração que não tem foco, não tem prioridades, não tem projetos, não tema nada, a não ser o espírito de “galo de briga”.

Vamos nos unir e defender o turismo de Gravatá. Caso contrário estremos nós ocupando o GRAVATANIC que aportou na nossa cidade há dois anos e ainda vai ficar mais dois, ou mais seis, dependendo da vontade popular e todos nós sabemos que essa vontade popular é manipulável, comprável e subserviente ao poder.

Gravatá só tem um caminho o turismo. Sem ele podemos fechar as nossas portas, vendermos nossos patrimônios antes que eles se desvalorizem mais e partirmos para outras cidades que ofereçam as condições que aqui não estão sendo dadas e como já está fazendo uma boa parcela de gravataenses procurando outras plagas para sobreviverem.

Vamos ao Portal de Gravatá para dizer que queremos o turismo de volta, que queremos o dinheiro do Governo do Estado para o turismo de Gravatá, que queremos o retorno de nossos grandes projetos grandiosos como Semana Santa e São João, Festival do Frio, Natal Luz e outros e que foram relegados a segundo plano por uma gestão que não tem planejamento e que só sofre acusações de irregularidades.

O caminho de Gravatá é o turismo, o resto é só conversa fiada. E sempre foi assim desde quando Gravatá foi fundada por vaqueiros que faziam daqui pousada para descansar e depois seguir viagem para o sertão levando as suas boiadas.

31 de maio de 2015 às 07:03h

Plantão do Conjunto Residencial Acuaã no Shopping Difusora

A Roberto Imóveis fechou parcerias com várias imobiliárias de Caruaru para a comercialização das unidades residenciais do conjunto Acauã, entre as quais a imobiliária ABM Negócios Imobiliários.

Dessa forma, plantões no quiosque do Shopping Difusora e também no local onde está sendo construído o condomínio vêm sendo dados pelos corretores para apresentação e venda dos apartamentos.

acuaã

28 de maio de 2015 às 10:42h

Cuidado com os falsos corretores, a próxima vítima pode ser você

Quem assistiu ao Bom Dia Brasil de hoje viu uma reportagem onde duas mulheres se dirigiam até uma imobiliária pegavam as chaves das casas que estavam para alugar, diziam que iam visitar o imóvel, no caminho fazia uma cópia da chave, voltava a imobiliária entregava as chaves, pegava os seus documentos e ia embora. Só que passava a mostrar o imóvel a vária pessoas que tinham interesse em alugar, fazia o contrato com vários clientes, pegava a entrada de cada um deles e desaparecia.

Este é apenas mais um caso de falsa corretagem, onde aproveitadores abusam da confiança de pessoas e enganam, cometendo crime de falsidade ideológica, exercício ilegal da profissão e estelionato.

Por isso, ao desejar comprar, alugar ou vender a sua casa procure um corretor credenciado pelo Creci, ou seja, peça, exija a carteira de corretor imobiliário dele, procure saber o número do Creci que ele apresenta, veja se não é falso. Só com estas medidas será possível coibir os abusos de falsos corretores atuando no mercado.

Outro detalhe que deve ser levado em consideração é exigir da imobiliária que só mande alguém olhar o imóvel se for acompanhado de um corretor da empresa com a qual você está negociando, para evitar que no caminho alguém faça a cópia da chave de seu imóvel e provoque danos em você e em terceiros.

No G1 você assiste o vídeo com as falsas corretoras que ainda não foram presas.

26 de maio de 2015 às 08:58h

Creci realiza almoço para os corretores imobiliários

O Creci-PE vem realizando nas últimas sextas-feiras de cada mês, almoço-bate papo da categoria para permitir o encontro de amigos, o conhecimento de novos corretores, a troca de experiência, as novidades do mercado, enfim um grande momento para o corretor imobiliário se atualizar, se informar e melhorar o seu relacionamento na categoria.

Não perca esta oportunidade de discutir soluções para a classe.

almoço dos corretores

23 de maio de 2015 às 06:17h

Rota 232 pronta para oferecer Consórcio Imobiliário ao mercado

porto seguro 7

João Mello, Fábio Belo, o consultor Jorge Lisboa e Tomaz da Rota232

Equipe Rota232 Imóveis participou do treinamento Consórcio na Prática com os seguintes pontos:   “Produto Consórcio”, “Fiança Locatícia”, “Título de Capitalização” e “Seguro Imobiliário” ministrado pelo instrutor da Porto Seguro Jefferson Klaus, da cidade de São paulo e acompanhado pela coordenadora do setor de consórcios da Porto Seguros, Daniela Diniz.

Ao final do encontro foi assinado o contrato entre a Porto  Seguro e a Rota 232 que a partir de agora vai poder oferecer os mais de 40 produtos da empresa,  entre eles o consórcio imobiliário que chega para superar este momento de dificuldade que o mercado imobiliário atravessa com as medidas adotadas pelo governo como o aumento da taxa de juros, redução do limite de financiamento de imóvel usado, corte do orçamento do programa Minha Casa, Minha Vida entre outros.

A Rota232 está, portanto, pronta para entrar no setor imobiliário com a oferta do consórcio imobiliário para ajudar os clientes a realizarem o sonho da casa própria.

porto seguro 3 porto seguro 4 porto seguro 5 porto sgeuro 2 portoseguro 1

 

22 de maio de 2015 às 19:19h

Sindimóveis promove curso de aluguel e administração em parceria com o Creci

Com o aumento da competitividade no mercado imobiliário, torna-se necessário que a cada dia os corretores de imóveis se capacitem cada vez mais, para dessa maneira terem destaque nas suas ações e serem  reconhecidos como especialistas nas atividades que desempenham. Por isso, as entidades representativas dos corretores como o Creci e o Sindimóveis têm investido na realização de cursos, seminários e treinamentos visando a melhoria da qualidade do serviço oferecido pelos profissionais de intermediação imobiliária.

Um dos principais cursos que o corretor tem de fazer é sem dúvida o de Administração de Imóveis e Aluguel, pois essa é uma das áreas que mais oportunidades oferece aos corretores que muitas vezes tornam-se experts em administrar e alugar imóveis fazendo disso uma identidade que passa a ser reconhecida pelos clientes e através de indicações consegue um grande volume de negócios.

Pensando nisso, o Sindicato dos Corretores de Imóveis – Sindimóveis vai realizar em parceria com o Conselho Regional dos Corretores de Imóveis – Creci – PE vai promover o curso de Administração e Aluguel que será ministrado pelo professor Frederico Mendonça reconhecidamente um dos grandes nomes da área de capacitação imobiliária, autor dos livros Avaliação de Imóveis e Administração e Aluguel de Imóveis e que vai occorer em julho conforme detalhes abaixo:

sindimóveis curso

Esta é uma grande oportunidade de capacitação para o corretor imobiliário. Você não pode perder.