15 de Março de 2018 às 05:56h

Porque só decidimos mudar quando recebmos o últimatum “OU MUDA OU MORRE”!

A forma como você encara as situações é que faz a diferença no que você realiza.

Conheci um cidadão aposentado que vivia uma vida de “aposentado”. Não fazia absolutamente nada e aos cinquenta e cinco anos, viúvo, obeso e com problemas de circulação recebeu o últimatum do médico: “ou muda ou morre”. A partir dessa constatação esse senhor decidiu que chegara a hora de modificar a sua rotina. A primeira providência foi deixar de lado o não faz bada e abriu uma academia de ginástica com o nome FORTE. Para ser o dono precisava dar o exemplo, mudou sua alimentação, sua rotina diária, passou a fazer exercícios de forma regular acompanhando por especialistas, casou-se novamente com uma mulher mais jovem e em 10 anos tornou-se um exemplo para os alunos da sua academia. Quase todos os dias durante a minha caminhada ei o encontro também caminhando e muitas vezes correndo, mostrado uma vitalidade impressionante e completamente curado.

Muitos só fazem reclamar não saem do ponto “A” para o ponto de “B” de jeito nenhum e em geral se juntam com outros que também só reclamam e formam um bando de “recamantes” negativos, deprimidos, frustrados e tudo por falta de perspectiva, por não tomar um atitude. A necessidade daquele cidadão de ter que se mostrar forte para que os alunos o tivessem como um modelo a ser copiado, fez com que ele fizesse tudo que não fazia nunca e isso fez toda diferença. Hoje é um homem, feliz e agora mais feliz ainda pois vai ser papai. Imagine a alegria de um homem com saúde, aos sessenta e cinco anos casado com mulher jovem, bonita e saber que ela vai dar a luz a um filho seu.

Essa história mostra claramente que precisamos dar um últimatum a nós mesmos, para iniciarmos a nossa caminhada em direção a um mundo melhor, com mais saúde e mais alegria. Saia agora da situação em que você se encontra, busque alternativas, mude suas rotinas, construa um novo projeto e volte a viver.

A ATITUDE é um interruptor que liga ou desliga a sua vontade de mudar.

 

Comentários


Você pode reproduzir esta matéria, desde que seja citada a fonte.