21 de julho de 2017 às 08:08h

Começa hoje a nona edição do Festival de Música Clássica Virtuosi Gravatá

O pianista Victor Asuncion é uma das atrações da abertura

Quer um programa legal para hoje a noite, nesse clima frio e entre essas montanhas de Gravatá? Venha assistir a abertura da nona edição do Virtuosi Gravatá que inicia as 20 horas com o concerto de abertura pela Orquestra Jovem de Pernambuco, com regência do maestro Rafael Garcia e apresentação dos instrumentalistas Leonardo Altino, cello, Rafael Altino, viola e Yi-Jia Susanne Hou, violino.
O Virtuosi já se tornou um tradicional encontro para quem gosta de boa música na cidade de Gravatá, porque também podem curtir as belezas naturais da cidade, a temperatura sempre amena, nessa época com nevoeiros e um frio gostoso que convida para se deliciar um bom fondue e tomar um bom vinho nos aconchegantes restaurantes da cidade ou mesmo nos belos chalés em estilo suiço que encravados nos verdes das serras que circundam o município.
Portanto, se você quer viver bons momentos ao lado das pessoas que você ama ou de seus amigos aproveite o clima europeu de Gravatá e assista ao Festival Virtuosi tornando as suas férias inesquecíveis.

IX FESTIVAL VIRTUOSI DE GRAVATÁ
IGREJA MATRIZ DE SANT’ANA
Aberto ao público

SEXTA 21|07
20h CONCERTO DE ABERTURA
ORQUESTRA JOVEM DE PERNAMBUCO
Leonardo Altino, cello
Rafael Altino, viola
Yi-Jia Susanne Hou, violino
Rafael Garcia, regente

19 de julho de 2017 às 06:39h

Parceria público Privada para implantação do aluguel social

O prefeito de São Paulo, João Dória, implantará na cidade o projeto “Aluguel Social” que consiste na restauração de prédios abandonados por empresas privadas, nas áreas centrais, que serão transformados em apartamentos, quitenetes e outros modelos de moradia popular e depois aligá-los à população de baixa renda que no momento não estejam em condições de adquirir a casa própria.
Para o sucesso do projeto de cunho social a prefeitura concederá subsídios, redução de impostos, isenção de IPTU, etc, mas com a exigência de que os imóveis sejam alugados com toda infra estrutura de elevadores,gás, água e energia, áreas de lazer e social, enfim tudo que um condomínio precisa para que seus moradores tenham conforto, segurança e tranquilidade.
Cabe ressaltar que para evitar vendas os imóveis não serão repassados para os ocupantes e sim terão o direito de usufruto pelo tempo que quiserem ou viverem.
“A locação social tem diversos subprogramas que vão gerar a produção de unidades habitacionais em um modelo parecido que nós temos agora, sem a transferência da propriedade no final do processo. Isso resolve um problema bastante conhecido no Minha Casa, Minha Vida, que é a revenda de unidades habitacionais a partir do momento em que o poder público entrega essas unidades para a família”, afirmou o secretário municipal de Habitação Fernando Chucre.
Esse é um novo modelo de solução imobiliária que pode ajudar o mercado imobiliário a partir do momento que traz para as cidades muitos produtos que estariam fadados ao abandono e a se transformarem em espaços de degeneração social, como a cracolândia e muitos outros espalhados pelo País.

18 de julho de 2017 às 21:13h

Começa hoje em Gravatá maior feira de calçados do Nordeste

Evento deve movimentar R$ 55 milhões em negócios em sua 21ª edição

  A maior feira de calçados do Nordeste começa hoje (18/07) em Gravatá, no Agreste pernambucano. Reunindo 170 marcas de âmbito nacional em 62 estandes, a Calçados Nordeste vai apresentar ao público presente a coleção primavera-verão, ditando as próximas tendências da moda. A organização espera movimentar em torno de R$ 55 milhões em negócios, comercializando 1,5 milhão de pares de calçados, além de 5 mil bolsas, cintos e acessórios.

Representantes, fabricantes, representantes, lojistas e convidados de Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Alagoas estão ocupando o Centro de Convenções do Hotel Canarius na 21ª edição consecutiva do evento. A feira também se configura como importante instrumento para consolidar a imagem do Estado no setor calçadista e estreitar o relacionamento entre as indústrias e os lojistas.

“Atendendo à uma necessidade do mercado, lançamos edições em importantes capitais do Nordeste, como São Luís, no Maranhão; Aracaju, em Sergipe, e, ainda este ano, estaremos no Rio Grande do Norte, em Natal. Todas as feiras que realizamos são sucesso de público e vendas, promovendo grande interação entre representantes e lojistas conceituados da região”, pontuou o diretor executivo da Lampejo Comunicação, Marketing e Eventos, Artur Brito.

Uma das novidades desta edição em Gravatá será a realização, as 10h30 da quarta-feira (19/07), do 1º Grande Encontro de Gerentes e Diretores da Indústria de Calçados, tratando das perspectivas econômicas para o Nordeste. As inscrições podem ser feitas online pelo sitewww.calcadosnordeste.com.br ou na recepção da feira. A entrada é gratuita.

SERVIÇO:

 21ª Edição da Feira Calçados Nordeste                                                          

Centro de Convenções do Hotel Canarius

Rod BR-232, Km 87, s/n

Brejinho, Gravatá/PE

Horário: Dias 18 e 19/07 – 9h às 19h

Dia 20/07 – 9h às 17h

Contatos para entrevista:

Artur Brito

Diretor Executivo da Lampejo

81.99968-4987

  1. 3426-7451
18 de julho de 2017 às 06:00h

Pai, filho e neto três suicídios no clã Vargas e uma discussão filosófica sobre se vale a pena viver

Que explicação alguém teria para justificar que três homens de uma mesma família, em épocas distintas cometessem suicídio?

Primeiro o pai, Getúlio Vargas, então presidente do Brasil e que cunhou a seguinte frase: “Saio da vida para entrar na história”! E ao que tudo indica fez história de fato, pois seu filho Manoel Vargas (Maneco) 49 anos depois também se mata com um tiro no peito, repetindo o gesto de seu pai.
E agora, recebemos, estarrecidos a notícia de que o neto de Getúlio e filho de Maneco, Getúlio Dornelles Vargas Neto (mesmo nome do avô), seguiu o caminho dos antepassados e também cometeu suicídio, só que dessa vez ao invés de escolher o peito (coração) para dar o tiro de misericórdia, escolheu a cabeça, o que não deixa de ser simbólico, pois ao invés de atirar no peito como fez seu avô e seu pai, decidiu atirar na cabeça, como se estivesse discutindo a grande questão da vida entre “emoção” e “razão” fruto de todos os bens ou de todos os males.
É uma história muito triste que nos leva a refletir sobre os motivos que levam pessoas com boa estrutura financeira e familiar decidirem por fim à própria vida.
Ariano Suassuna repetindo Albert Camus fala sobre o ato de matar-se: “O único problema filosófico realmente sério é o do suicídio”. Segundo Suassuna o suicídio é realmente uma coisa muito grave. A pessoa que comete suicídio avalia o mundo, avalia ele mesmo e acha que não vale apena. Devolve o bilhete de passagem e volta!
Mas, ele discorda de Camus e diz: “O suicídio é apenas um dos aspectos do problema filosófico porque para ele (Ariano) mais grave é o problema do mal e do sofrimento humano e cita o grande mestre da poesia popular Leandro Gomes de Matos, afirmando que ele formulou sobre o suicídio ou sobre a vida, uma tese melhor que a de Camus, que é a pergunta mais séria que as pessoas que não acreditam em Deus pode fazer a quem acredita:
Se eu me encontrasse com Deus iria lhe perguntar: Porque é que sofremos tanto, quando viemos pra cá? Que dívida é essa que o homem tem que morrer pra poder pagar? Perguntaria também como Ele é feito? Que não dorme, que não come e assim vive satisfeito? Porque foi que Ele não fez a gente do mesmo jeito? Porquê existem uns felizes e outros que sofrem tanto? Nascidos do mesmo jeito, criados no mesmo canto! Quem é que foi foi temperar o choro e acabou salgando o pranto?
Dessa forma ele, o poeta Leandro, coloca em cheque a própria existência de Deus, porque dá a entender que Deus quis temperar o choro e acabou errando na mão e salgando o pranto. Como se Deus, igual ao homem, fosse capaz de cometer um erro e infligir tamanho sofrimento ao ser humano.
Ariano continua e diz que Deus para ele é uma necessidade e conclui de forma dramática que se não acreditasse em Deus ele seria um desesperado”.
Partindo desse princípio de que aquele que não acredita em Deus é um desesperado, teremos talvez aí a resposta para o ato corajoso, porque talvez matar alguém seja um ato de covardia, mas tirar a própria vida é sem dúvida um ato de extrema coragem ainda que em sentido inverso, pois maior coragem ainda é viver, concluímos que o problema da existência está em acreditar em Deus ou não para que se tenha uma vida plena e não seja vazia a ponto de não ter o que se carregar e assim sem ter o que fazer chegar a conclusão de que é hora de voltar, muito embora nem saiba de onde veio e nem para onde vai.
Ao final concluímos que o grande problema da vida continua sendo responder a questão:
Está valendo a pena viver? Por isso, sugiro que encontre na sua vida aquilo que valha a pena você acordar de manhã e dizer: Vale a pena viver! Vale a pena estar vivo!

Link da entrevista de Ariano Suassuna: https://www.youtube.com/watch?v=Beq961fusnk

17 de julho de 2017 às 07:26h

Virtuosi Gravatá 2017 começa no dia 21 e ontem começou a Festa de Santana

A cidade de Gravatá já vive o clima de comemoração da sua padroeira Nossa Senhora de Santana que começou ontem e vai até o dia 26, com uma programação variada envolvendo missas, novenário, procissão, quermesse outros eventos como homenagem aos avôs e avós.

Confira a Programação:

De 16 a 25/0719h – Celebração e Novenário, na Igreja Matriz de Sant’Ana.

De 21 a 26/07Após as celebrações, quermesse animada com música ao vivo, na Praça da Matriz.

24/07: Segunda-feira15h – Palestra com tema: “longevidade”, ministrada pelo médico João Alexandre, na Escola Amenayde Farias.

25/07: Terça-feira14h30 – Encontro de avós e netos, no salão do Círculo Operário.

26/07: Quarta-feira – Dia de Sant’Ana08h – Café da manhã para avôs e avós, na Praça da Matriz.10h – Celebração em homenagem aos avôs e avós na Igreja Matriz de Sant’Ana.17h – Tradicional procissão de Sant’Ana saindo da igreja Matriz, caminhada pelas principais ruas do Centro da cidade.18h – Celebração Solene de modo campal, ao lado da Igreja Matriz de Sant’Ana.19h – Quermesse e apresentação da Banda Expresso Jovem Guarda.

Além da programação religiosa tem a IX edição do Virtuosi Gravatá, Festival de Música Clássica que vai acontecer de 21 a 30 e contará com a presença de instrumentalistas nacionais e internacionais. confira a programação do Virtuosi Gravatá 2017.

IX FESTIVAL VIRTUOSI DE GRAVATÁ

21 A 30 de JULHO DE 2017

IGREJA MATRIZ DE SANT’ANA

SEXTA 21|07

20h CONCERTO DE ABERTURA

ORQUESTRA JOVEM DE PERNAMBUCO

Leonardo Altino, cello

Rafael Altino, viola

Yi-Jia Susanne Hou, violino

Rafael Garcia, regente

SÁBADO 22|07

11h VIOLA & PIANO

Rafael Altino, viola

Victor Asuncion, piano

20h TRIBUTO A CHOPIN

Victor Asuncion, piano

DOMINGO 23|07

11h O PIANO NA RÚSSIA

Kristina Miller, piano

SEGUNDA 24|07

20h AFLUÊNCIAS

Paula Bujes & Pedro Huff

TERÇA 25|07

20h O VIOLINO CLÁSSICO

Yannos Margaziotis, violino

Kristina Miller, piano

QUINTA 27|07

20h CELLO & PIANO

Leonardo Altino, cello

Kristina Miller, piano

SEXTA 28|07

20h O VIOLINO VIRTUOSO

Yi-Jia Susanne Hou, violino

Victor Asuncion, piano

SÁBADO 29|07

11h TRIBUTO A BRAHMS

Yannos Margaziotis, violino

Rafael Altino, viola

Leonardo Altino, cello

Victor Asuncion, piano

20h A VOZ

W.A MOZART Abertura da opera Don Giovanni

[1756-1791]

W.A. MOZART Venga Pur, Minacci e Frema

[1756-1791] da opera Mitridate, Re di Ponto

Georg F. HÄNDEL Lascia Ch’io pianga

[1685-1759]

J.S.BACH Bist du bei mir, BWV 508

[1685-1750]

Henry PURCELL Cold Song da ópera King Arthur

[1659-1695]

S. KOUSSEVITZKY Concerto para contrabaixo Op.3

[1874-1951] Allegro – Andante – Allegro

V.PAIVA/J.REDONDO Ave Maria

[1908-64/1890- 1952]

GOIÁ/BELMONTE Saudade de minha terra

{1935-81/1937- 72]

Georges BIZET Prelúdio da ópera Carmen

[1838-1875]

Georges BIZET Habanera

[1838-1875]

Astor PIAZZOLLA Balada para un loco

[1921-1992}

Agustin LARA Granada

[1900-1970]

ORQUESTRA JOVEM DE PERNAMBUCO

JOSÉ PABLO SOLIS, contrabaixo

EDSON CORDEIRO, contratenor

RAFAEL GARCIA, regente

 

 

17 de julho de 2017 às 06:31h

Festa dos Estudantes vai esquentar o frio em Triunfo

A CIDADE

fotoweb

Para quem pensa que o Sertão é sinônimo de deserto, calor e terra seca, está muito enganado, pois a cidade de Triunfo, localizada no Planalto da Borborema, no vale do Pajeú, e que está a mais de 1000 metros de altitude, foge desse paradigma e é chamada de OÁSIS DO SERTÃO porque apresenta um grande açude no seu centro, é cercada de montanhas e nesse período do inverno a sua temperatura desce dos 10 graus, atraindo milhares de turistas que visitam a cidade, lotam os hotéis e pousadas e também os restaurantes que nesse período de inverno, passam a oferecer além das comidas típicas da região, opções mais voltadas para a época como o chocolate quente e o fondue.
O nome Triunfo originou-se de uma luta ocorrida entre a poderosa família dos Campos Velhos, da cidade de Flores, contra os habitantes da povoação da Baixa Verde, os quais, querendo ver o progresso da localidade, começaram com a criação de uma feira, com o que os Campos Velhos não ficaram satisfeitos, procurando acabá-la por diversas vezes, até mesmo com prejuízo de vidas, mas não conseguiram. Tal fato fez com que os habitantes da Baixa Verde tratassem de sua independência, a fim de se libertar dos Campos Velhos. Para isso, um abaixo-assinado solicitou da Assembleia Provincial e do Diocesano que a povoação fosse transformada em freguesia e elevada à categoria de vila, o que de fato ocorreu em 2 de junho de 1870, através da Lei Provincial nº. 930, que criou a freguesia de Nossa Senhora das Dores, desmembrada da freguesia de Flores, e elevou a povoação de Baixa Verde à categoria de vila, com a denominação de Triumpho. Em 13 de junho de 1884 através da Lei Provincial nº. 1.805, foi criada a comarca de Triunfo e com isso a vila da Baixa Verde foi elevada à categoria de cidade.

A FESTA DO ESTUDANTE

A Rota 232 estará mais uma vez realizando mais um trabalho de divulgação da parte de arte e literatura da Festa do Estudante de Triunfo que acontece de 22 a 29 desse mês e que conta com vários eventos na sua grande de programação.

Um dos destaques da cidade é sem dúvida a FESTA DO ESTUDANTE, já consolidada no calendário dos eventos do frio do estado e que esse ano acontece pela quinquagésima nona vez, ou seja, a 59 anos os Triunfenses realizam esse evento que envolve música, arte e cultura no sertão de Pernambuco.

Confira a programação do palco principal

 

 

13 de julho de 2017 às 10:40h

Vem ai o XXXIV Congresso Nacional dos jornalistas de turismo

O Congresso da ABRAJET Nacional, que em 2017 chega à sua 34ª edição, é o maior encontro de jornalistas especializados em turismo da América Latina e um dos maiores do mundo.
Com aproximadamente 150 participantes, o Congresso Nacional da ABRAJET reúne num mesmo local um número de jornalistas especializados superior ao de qualquer outro evento do mercado de Turismo.
O Congresso representa uma oportunidade única para que o destino patrocinador e fornecedores do mercado de turismo se divulguem.

Data
15 a 19 de agosto de 2017

Local
Aracaju-SE (Aracaju, SE)

Mais informações, acesse:

https://congressoabrajet2017.eventize.com.br/

13 de julho de 2017 às 08:28h

Confira a programação da Matriz de Santana para o mês de julho em Gravatá

A cidade de Gravatá vai viver um momento especial na segunda quinzena de julho quando são feitas as comemorações à padroeira da cidade, Nossa Senhora de Santana, o evento religioso inicia no dia 16 e vai até o dia 26 quando será decretado feriado municipal. A festa de Santana já é tradicional no município que conserva as suas tradições religiosas e também profanas com missa, quermesse e aproveitando a presença dos artistas que vão se apresentar na nona edição do Virtuosi, acontece também o festival de múcica clássica.
Esse ano será oferecido no dia 26 pela Paróquia um momento afetivo entre avós e netos com um café da manhã no círculo operário e atarde a partir das 17 horas ocorre a procissão que deve arrastar uma multidão de devotos pelas ruas da cidade.
Confira a Programação:

De 16 a 25/0719h – Celebração e Novenário, na Igreja Matriz de Sant’Ana.

De 21 a 26/07Após as celebrações, quermesse animada com música ao vivo, na Praça da Matriz.

24/07: Segunda-feira15h – Palestra com tema: “longevidade”, ministrada pelo médico João Alexandre, na Escola Amenayde Farias.

25/07: Terça-feira14h30 – Encontro de avós e netos, no salão do Círculo Operário.

26/07: Quarta-feira – Dia de Sant’Ana08h – Café da manhã para avôs e avós, na Praça da Matriz.10h – Celebração em homenagem aos avôs e avós na Igreja Matriz de Sant’Ana.17h – Tradicional procissão de Sant’Ana saindo da igreja Matriz, caminhada pelas principais ruas do Centro da cidade.18h – Celebração Solene de modo campal, ao lado da Igreja Matriz de Sant’Ana.19h – Quermesse e apresentação da Banda Expresso Jovem Guarda.

Esta matéria é um oferecimento de Tomaz Corretor que tem o imóvel que você quer, no local que você deseja, pelo preço que você pode pagar!

13 de julho de 2017 às 06:01h

Reunião do Contur discute união do poder publico com o trade turístico

Na última reunião do Contur – Conselho de Turismo de Pernambuco os representantes da entidade discutiram as formas de se incentivar o turismo tanto na capital quanto no interior. O presidente da Associação dos Secretários de Turismo, Josenildo Santos, secretario de Turismo de Agrestina  afirmou que:

 “Hoje, no Centro de Convenções, tivemos a oportunidade de pensarmos juntos mais uma vez sobre o turismo em Pernambuco, durante a reunião do Contur. Com a participação de representantes de várias instituições ligadas à atividade, discutimos nossas próximas ações e como podemos nos articular para fazermos ainda mais pelo crescimento do turismo do Litoral ao Sertão”, disse.

Em breve a Rota232 trará mais informações sobre os assuntos discutidos na reunião.

Foto: Uyrandei Lemos

A imagem pode conter: 8 pessoas, pessoas sentadas, mesa e área interna
12 de julho de 2017 às 07:51h

Matéria da Rota 232 serve de pauta para mídia do estado

Uruçu Mirim distrito de Gravatá – foto: Nenê de Uruçu

A matéria publicada na Rota 232 Turismo (http://blogdotomaz.com.br/rota-232-acompanha-festival-de-inverno-de-garanhuns-e-festival-virtuosi) sobre a Rota do Frio: Gravatá, Garanhuns, Triunfo e Taquaritinga serviu para pautar a mídia estadual que fez várias reportagens a respeito do clima frio que acontece nessas cidades nesse período.
Esse ano a Rota 232 estará fazendo a cobertura do Festival Virtuosi de Música Clássica que vai acontecer nas cidades de Gravatá, Belo jardim e Garanhuns, divulgando as belezas e os atrativos turísticos das cidades que vão receber o evento.
Como em Garanhuns o Virtuosi vai acontecer durante a realização do Festival de Inverno de Garanhuns – FIG 2017, a Rota 232 estará completando 10 anos de cobertura da área de literatura e arte do FIG o que é um marco na comunicação de uma empresa independente.
A Rota232 agradece o empenho do presidente do sistema Fecomércio, Josias Albuquerque em incentivar a poiar o turismo do interior de Pernambuco, onde as colônias de férias e as unidades do SESC colaboram decisivamente na promoção dessas cidades.
É hora da prefeitura de Gravatá se mobilizar e se articular para apresentar ao SESC o projeto apresentado durante a campanha de desenvolver esforços no sentido de trazer para o município uma colônia de férias do sistema a fim de garantir mais turistas e mais negócios ligados ao turismo na região.