18 de maio de 2017 às 15:59h

Bruno Araújo pode deixar governo ainda hoje

O ministro das cidades Bruno Araújo está de malas prontas para desembarcar do governo, voltando para a câmara  assim ficar mais perto das decisões políticas e poder cuidar melhor de sua defesa.

É provável que Bruno só esteja esperando o pronunciamento de Temer às 16 horas para tomar a decisão de sair do governo.

Bruno foi citado nas investigações da Lava Jato e não quer perder a oportunidade de participar das articulações para escolher o novo mandatário, no cado desse vir a ser escolhido de forma indireta em 60 dias como prevê a constituição.

Essa notícia é muito ruim para Gravatá, pois a população esperava a construção de casas populares prometidas pelo ministro ao então candidato a prefeito da cidade, Joaquim Neto que agora vai ter que correr atrás de um novo ministro para garantir as unidades residenciais.

Vamos aguardar e conferir se runo entrega ou não o cargo a Temer.

17 de maio de 2017 às 20:27h

O Brasil precisa de eleições diretas já

Não dá mais! Chegou no limite da paciência. Todos estão envolvidos em falcatruas, roubalheiras, corrupção e não resta outra alternativa a não ser novas eleições. O Brasil precisa de Eleições  Diretas Já!

Todos os que roubaram devem ser punidos, presos e devem devolver o dinheiro que roubaram. Não tenho e nunca terei políticos de estimação.

Roubou, provou, cadeia!

Vamos pedir Eleições Diretas Já!

16 de maio de 2017 às 17:03h

Gravatá ganha projeto de Mini Chácaras no distrito de Mandacaru

Um dos melhores passeios que você pode fazer em Gravatá é pegar o seu carro sair pela PE 087 e dirigir-se até o distrito de Mandacaru.  No caminho você vai desfrutando de uma paisagem belíssima, típica do bioma de transição de mata atlântica e agreste com montanhas verdes e cobertas de névoa pela manhã e no final da tarde.

A partir de agora você vai poder fazer esse passeio quantas vezes quiser e ainda vai ficar na sua chácara para curtir com sua família momentos inesquecíveis de prazer em conviver com natureza exuberante da região. A FCF empreendimentos acaba de lançar mini-chácaras a partir de 600m2, com preços girado entre 20 e 50 mil e o melhor financiadas em 24 meses direto com o proprietário.

Venha fazer a sua casa de campo na sua chácara e finalmente poder dizer “O meu paraíso é aqui”. acesse agora vejacasa.com.br ou passe um zap 81 – 9.99892523 – para Tomaz de Aquino corretor de imóveis – creci 10.966 e realize o seu sonho e do de sua família.

15 de maio de 2017 às 06:19h

A dificuldade para se vender financiado pela CEF um imóvel irregular

Imagine você procurar um imóvel com muito empenho, perder vários fins de semana, diversos momentos com a família e finalmente encontrar o imóvel dos seus sonhos. Depois de visitar o imóvel, você toma a grande decisão: é esse!
Quando você procura o corretor responsável pela venda do produto recebe a informação de que ainda não saiu o habite-se que é o documento fundamental para poder se solicitar o financiamento à CEF.
Esse problema acontece quando se constrói a casa sem a devida legalização. Ou seja, muitas vezes se inicia a construção sem se dar os passos necessários para que se tenha os documentos legais para poder se financiar o imóvel depois de concluída a edificação.
Na maioria das vezes esses imóveis irregulares são vendidos à vista ou são financiados direto com o proprietário sem se passar pela burocracia da prefeitura ou da caixa. Muitas vezes os construtores e investidores adquirem um terreno fazem um desmembramento por conta própria, particular, divide o terreno em vários lotes e executam a construção das unidades.
Entretanto, se a prefeitura estiver atualizando a legislação e os processos estiverem aguardando a nova lei, dificilmente o cliente interessado numa das casas conseguirá comprar esse imóvel através de financiamento bancário, a não ser que ele tenha paciência para esperar a regularização junto à prefeitura.
Essa regularização começa com o pedido de aprovação na prefeitura da casa que já foi construída no lote sem que se tenha pedido anteriormente a cabível licença de construção.
Outro problema semelhante é que do se constrói várias casas num só lote, sem se ter pedido o devido desmembramento do terreno no número de lotes em que foi dividido e dessa forma não se obtém a devida licença de construção.
Em muitos casos se solicita simultaneamente a averbação das casas construídas nos lotes, ou seja, a aprovação das unidades, fazendo-se um processo só, onde se aprova os terrenos e as casas ao mesmo tempo e se adquire o devido habite-se.
Agora imagie se por um ou outro motivo a prefeitura não aceitar o tipo de intervenção que foi feita para se desmembrar ou mesmo para se construir e não liberar o habite-se, então não haverá possibilidade de compra através de financiamento de bancos oficiais.
Na cidade de Gravatá muitos clientes esperam a mudança da legislação pela prefeitura a fim de solicitar os desmembramentos e os “habite-ses” respectivos. Enquanto a lei não é reformada os processos sofrem solução de continuidade e o financiamento só poderá ser feito de forma particular entre o cliente e o proprietário.
Se você quer mais informações sobre regularização de imóveis acesse: www.vejacasa.com.br/perguntaqui e tire a sua dúvida de forma inteiramente gratuita.

12 de maio de 2017 às 05:50h

Gravatá ganha apartamentos do Minha Casa Minha Vida

Localizado em uma das áreas mais nobres da cidade de Gravatá, pertinho do Polo Moveleiro e do Centro! Com uma vista previlegiada da Região.

O PRÉDIO
Terá uma área denominada TÉRREO (com estacionamento); uma edificação constituída por 04 (quatro) módulos em 01 (UM) BLOCO ARQUITETÔNICO, com 01 pavimento térreo e 02 pavimentos elevados tipo e cobertura com zeladoria e caixa d’agua.

O APARTAMENTO

TÉRREO– com 2 apartamentos, enumerados de 101 e 102, e área de uso comum, contendo: pórtico de entrada para acesso e circulação de pessoas e automóveis de passeio; escadas de acesso ao pavimento superior; local para depósito de lixo; reservatório d´água inferior, estacionamento coletivo para 18 automóveis de passeio de porte médio enumeradas e uma área de lazer com churrasqueira, fossa, caixas de esgoto e área verde.

PAVIMENTOS TIPO (2º e 3º PAVIMENTOS)– Contendo como partes comuns: Circulação com Hall e escadas de acesso aos pavimentos superiores; e com o pavimento e partes privativas cada um deles contendo: sala de Estar/Jantar; Circulação; 02 quartos sociais; 01 WC social; Cozinha / Área de serviço.

O PREÇO

A partor de R$ 130.000,00 financiados pelo programa Minha Casa Minha Vida, com subsídios de até R$ 17.000,00

Para mais informações passe um zap para 81 99892523 e fale com Tomaz Corretor 81 – 9.99892523

www.tomazcorretor.com.br

11 de maio de 2017 às 22:15h

Gravatá e Eslováquia estudam projetos comuns

João Alexandre, Alberto Feittosa, André Costa, Taciana Bravo e Marcone Bezerra

O secretário de Desenvolvimento Econômico e presidente do Solidariedade no município, Marcone Bezerra; juntamento com a Presidente da Jucepe, Taciana Coutinho Bravo, e com o secretário geral da Jucepe, André Costa se reuniram com o cônsul da Eslováquia, João Alexandre Neto para estudarem a possibilidade do desenvolvimento de projetos que possam estreitar as relações entre as duas cidades.

O encontro foi articulado pelo deputado estadual Alberto Feitosa, secretário de saneamento do Recife e presidente do solidariedade em Pernambuco.

Dessa forma Gravatá vai fomentando uma agenda internacional, onde recentemente o prefeito Joaquim Neto esteve visitando Portugal e depois à Finlândia, onde seu filho estida e aproveitou para conhecer ações que possam melhorar a vida dos gravataenses trazendo novidades para a cidade.

 

 

 

11 de maio de 2017 às 21:54h

SEM RECURSOS DO FGTS, CAIXA SUSPENDE FINANCIAMENTO IMOBILIÁRIO DA LINHA PRÓ-COTISTA

A Caixa Econômica Federal informou nesta sexta-feira (8) que suspendeu novas contratações de crédito imobiliário com recursos do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), a linha pró-cotista.

“Os recursos disponíveis da modalidade atualmente são suficientes apenas para atender as propostas de financiamento já recebidas pelo banco”, afirmou o banco em nota.

A pró-cotista financia a compra de imóveis de até R$ 950 mil nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, e de até R$ 800 mil nos outros Estados. É a linha de empréstimo habitacional mais barata depois do Minha Casa, Minha Vida.

Um gerente de uma agência da Caixa na capital paulista, que pediu anonimato, disse à agência de notícias Reuters que novas contratações na pró-cotista estão suspensas há semanas.

“E quem teve o pedido de financiamento já aprovado tem até o fim deste mês para assinar, caso contrário vai perder”, disse.

No comunicado, a Caixa afirma que deve receber nas próximas semanas cerca de R$ 3 bilhões para complementar os recursos da linha pró-cotista.

O banco negou que a suspensão esteja relacionada à falta de recursos por causa do resgate de recursos de contas inativas do FGTS, autorizado pelo governo em dezembro. Nos últimos dois meses, segundo o presidente Michel Temer, foram resgatados 15 bilhões de reais, e a expectativa é que o volume sacado das contas inativas chegue perto de R$ 40 bilhões até julho.

O vice-presidente de Habitação da Caixa, Nelson Antonio de Souza, disse à Reuters que, enquanto isso, o banco tem orientado os tomadores a buscar outras linhas de crédito, como a do SBPE, com recursos da caderneta de poupança.

A taxa de juro da pró-cotista da Caixa para não correntistas do banco é de 8,61% ao ano. Já pelo SBPE a taxa é de 10,49% ao ano.

Maior concessora de crédito imobiliário do país, a Caixa vem refletindo o contínuo vaivém do setor nos últimos dois anos, diante da recessão no país e de movimentos na Selic.

Em 2015, com a taxa básica de juros chegando a 14,25% ao ano, a caderneta de poupança, que paga 6 por cento anuais, teve saída líquida de R$ 53,6 bilhões. No ano passado, a poupança teve resgates de R$ 40,7 bilhões.

Com isso, os empréstimos concedidos pelo SBPE no ano passado para compra e construção de imóveis caíram 38,3% ante 2015, para o menor nível desde 2009. O desempenho só não foi pior porque o financiamento com recursos do FGTS cresceu 18,5%, com a Caixa sendo mais flexível nos critérios para uso da linha pró-cotista.

Com o início do ciclo de cortes na Selic no ano passado, a expectativa de profissionais do mercado imobiliário é de os custos menores sejam repassados pelos bancos a tomadores nos próximos meses.

“Enquanto isso, estamos recomendando aos clientes que querem empréstimos pela pró-cotista que busquem no Banco do Brasil, que ainda tem recursos”, disse à Reuters a consultora imobiliária Daniele Akamine. “Recentemente fizemos isso para um funcionário da própria Caixa”.

Segundo o executivo da Caixa, o banco tomará as medidas para cumprir seu orçamento, que prevê conceder um total de 84 bilhões de reais em novos financiamentos para habitação neste ano, ante R$ 81,5 bilhões no ano passado, considerando todas as linhas.

“É muito ruim o cliente pedir recursos e não haver recursos; não vamos deixar acontecer”, disse.

Fonte: UOL

11 de maio de 2017 às 21:23h

10 anos da Grande Vaquejada de Gravatá acontece no dia 11 de junho

No dia 11 de junho a cidade de Gravatá realiza a sua grande cavalgada já tradicional do turismo do interior, comemorando os 1o anos do evento, onde vaqueiros e amantes cavalgadas se reúnem para passear com seus cavalos pelas ruas da cidade e também pelos povoados rurais.
Grandes atrações como os aboiadores Eduardo, Mariano, Leo,  Joao Vaqueiro e Raminho estarão marcando presença nos dez anos da grande Cavalgada do Vaqueiro de Gravata que é promovida pelo apresentador de vaquejada e cavalgada Figueredo Brasileiro e epelo empresário Fernando da Flor, já está disponibilizando os kits que podem ser adquiridos através dos fones: 9.9574.0902 / 9.9452.6186

 

 

 

 

 

11 de maio de 2017 às 20:54h

Escola de artes caruaruense ganha prêmio em Belo Horizonte

A Ensaio Escola de Artes participou de uma das etapas regionais do Festival Passo de Arte, um dos maiores da América Latina, realizada este fim de semana, em Belo Horizonte. A escola caruaruense levou dois prêmios, nas duas categorias das quais participou. Primeiro lugar em Dança Popular e Danças Urbanas. São mais duas conquistas importantes para o portfólio da escola que já coleciona títulos de festivais em Fortaleza, São Paulo e Campina Grande.

11 de maio de 2017 às 20:48h

Montagem do São João de Caruaru começa neste fim de semana

Caruaru terá uma festa linda, grande, descentralizada e sintonizada com as tradições e, para garantir o perfeito funcionamento da festa, a montagem da infraestrutura começa neste fim de semana. O contrato com a empresa de produção executiva foi assinado nessa quarta-feira (10). “A maior manifestação cultural do interior de Pernambuco vai ser realizada da melhor forma possível e de um jeito que Caruaru nunca viu”, garantiu a prefeita Raquel Lyra. O São João gera mais de 6 mil empregos diretos e indiretos, além de um investimento de mais de 200 milhões de reais na economia da cidade.

Transparência – A prefeita adotou uma modelagem jurídica absolutamente distinta daquela até então utilizada pela Fundação de Cultura para execução do São João. Após discutir a questão com os órgãos de controle, a Fundação de Cultura promoveu as seguintes medidas:

a) realizou o primeiro chamamento público da história de Caruaru para captação de recursos para o São João (em respeito aos princípios da impessoalidade e da economicidade);

b) conseguiu aprovar, em tempo recorde, no Ministério da Cultura, um projeto de financiamento da festa por intermédio da Lei Rouanet;

c) publicou o primeiro edital para contratação dos artistas que irão se apresentar no São João;

d) publicou edital licitação para a produção executiva do evento.

O último item foi alvo de questionamento por parte do Tribunal de Contas do Estado e, após análise cuidadosa da recomendação do TCE, a Prefeitura decidiu publicar a revogação do edital de licitação e, como medida emergencial, contratar a empresa de produção executiva diretamente. O contrato, estimado em 5 milhões de reais, garante a montagem da estrutura dos polos de entretenimento (Pátio de Eventos, Forró do Candeeiro e Polo Alto do Moura).

A programação completa, de todos os polos espalhados pela cidade, será divulgada na próxima segunda (15), a partir das 19h, no Sítio Pau Santo, zona rural de Caruaru.